O melhor do mundo POP, GEEK e NERD você encontra aqui!
Shadow

As avaliações dos jogadores enquanto a série sem vitórias do Barça continua

Início

O Barcelona empatou em 0 x 0 pela segunda vez consecutiva no Campeonato Espanhol pela primeira vez desde 2005, depois de ser frustrado pelo Getafe no domingo.

O primeiro título desde 2019 ainda está firmemente na mira de La Blaugrana, com 11 pontos de vantagem sobre o Real Madrid, faltando nove jogos para o final, mas Xavi ficará frustrado com o Getafe, que tentou atrapalhar desde o início, aumentando o relva no relvado do Coliseu Alfonso Perez ao máximo permitido e dando a conhecer as suas intenções desde o início.

A primeira grande chance do jogo foi para os donos da casa aos cinco minutos, com Borja Mayoral acertando um cruzamento da linha de fundo para o graduado do La Masia, Munir, cujo cabeceamento passou por pouco da trave.

A primeira oportunidade do Barcelona viu o cruzamento de Alejandro Balde desviar de Jordi Alba para o caminho de Robert Lewandowski, que não conseguiu acertar os pés a seis metros de distância e o Getafe conseguiu se livrar.

O ex-atacante do Manchester City, Enes Unal, conseguiu se livrar de Jules Kounde em um escanteio, mas não conseguiu manter a cabeçada livre quando o Barça foi poupado.

Nos próximos 20 segundos, o Barcelona deveria ter assumido a liderança. Raphinha conseguiu escapar da linha de fundo do Getafe após um chute longo de Marc-Andre ter Stegen, vendo seu tiro de canhão recuar da trave. Balde entrou para pegar o rebote, mas seu chute acertou o mesmo ponto da trave.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Lewandowski subiu mais alto para receber um cruzamento profundo de Sergio Busquets, mas David Soria conseguiu cruzar sua linha e segurar o cabeceamento.

Após o intervalo, Lewandowski acertou de cabeça outra bola na área, desta vez cabeceando ao lado após um lançamento de Alba no meio do meio-campo do Getafe.

Os donos da casa conseguiram manter o Barça restrito a meias chances, com destaque para o chute de 25 jardas de Raphinha, com o brasileiro negado por uma longa defesa de Soria.

Com o tempo se esgotando, o Getafe procurou acertar o Barcelona no contra-ataque. Ronald Araujo não conseguiu lidar com um cruzamento rasteiro, em parte devido à grama longa, e Mayoral disparou em direção ao gol, apenas para ver seu remate feroz passar por cima da trave.

O Barça não vence há três jogos, e no próximo jogo enfrentará o Atlético de Madrid, no Camp Nou, no próximo domingo.

GK: David Sória (8); RB: Damian Suarez (7), CB: Djene (6), CB: Domingos Duarte (7), CB: Omar Alderete (7), LIBRA: Juan Iglesias (7); RM: Borja Bayoral (6), CM: Luís Milla (8), CM: Nemanja Maksimovic (7), LM: Munir (7);, CF: Enes Unal (6).

SUBS: Cristian Portu (6), Carles Alena (N/A), Angel Algobia (N/A), Gonzalo Villar (N/A), Gaston Alvarez (N/A).

Leia as últimas notícias do Barcelona aqui

GK: Marc-Andre ter Stegen – 6/10 – Bem, pelo menos ele manteve a 22ª partida sem sofrer golos na La Liga na temporada.

RB: Sergi Roberto – N/A – Substituído aos 18 minutos com uma lesão no tendão.

CB: Jules Koundé – 6/10 – Mudou para lateral-direito no meio do primeiro tempo, quando ficou claro que o substituto Garcia estava lutando lá. Foi decente o suficiente.

CB: Ronald Araújo – 6/10 – Esteve atento e eliminou o perigo num jogo em que o Getafe procurou incomodar o Barcelona a qualquer momento.

LB: Jordi Alba – 6/10 – Bombardeou para frente para apoiar Balde, mas o Barcelona realmente perdeu um atacante natural do lado esquerdo hoje.

DM: Sergio Busquets – 6/10 – Ainda parecia o seu melhor na batalha do meio-campo.

CM: Franck Kessie – 6/10 – Um dos melhores titulares do Barcelona, ​​chegando tarde na área e também interrompendo o jogo.

CM: Gavi – 5/10 – Reservado após apenas 90 segundos e nunca foi capaz de arrombar a fechadura.

RW: Raphinha – 5/10 – Desperdiçou uma grande chance no primeiro tempo que acabou custando caro ao Barcelona.

CF: Robert Lewandowski – 5/10 – Às vezes, um alvo útil, mas acabou sendo engolido pelos três zagueiros do Getafe.

LW: Alejandro Balde – 5/10 – Obviamente cheio de talento, mas também obviamente um lateral-esquerdo e não um extremo.

Substitutos

Eric Garcia (18′ para Roberto) – 6/10 – Desconfortável na lateral direita, mas um pouco mais seguro no meio.

Ferran Torres (68′ para Alba) – 5/10

Ansu Fati (68′ para Kessie) – 5/10

Pablo Torre (88′ para Raphinha) – N/A

Gerente

Xavi – 4/10 – O Barcelona parecia contente em jogar por um empate chato tanto quanto o Getafe. Que perda de tarde.

Jogador do jogo – Luis Milla (Getafe)

Fonte